21ª Parada Gay da cidade de São Paulo

2017 – “Independente de nossas crenças, nenhuma religião é lei! Todas e todos por um Estado Laico”

Na minha singela opinião, talvez essa tenha sido a Parada do Orgulho LGBT com maior visibilidade na mídia. Esse ano a 21ª edição como de costume na Av. Paulista reuniu no dia 18/06/2017, aproximadamente 3 milhões de pessoas conforme os organizares do evento. Em 2008 com o tema “Homofobia Mata! Por um Estado Laico de Fato”, o tema visava à aprovação a lei que criminaliza a homofobia e reforçava que o um Estado sendo Laico é regido por leis e não por religiões.

Dessa forma a edição atual busca colocar novamente em pauta a importância da laicidade do Estado, sob o tema “Independente de nossas crenças, nenhuma religião é lei! Todas e todos por um Estado Laico”. O tema retrata a importância do respeito à diversidade religiosa e traz críticas ao fundamentalismo religioso e as intervenções da bancada evangélica no Congresso Nacional.

Banner_ParadaGay21.jpg

Esse ano a atriz e modelo transexual  Viviany Beleboni, se posicionou vestida de militar, expressando sua posição de forma critica  ao fundamentalismo religioso, o conservadorismo mundial e a falta de espaço para pessoas transexuais no Exército.

Destaque_ParadaGay21-1.jpg

“Temos que aprender a votar antes que a extrema direita avance e tire nossos direitos. Esse movimento é muito grande, a parada LGBT é muito mais do que o desfile de domingo. Nós estamos em todos os lugares”, disse Viviany. O presidente americano Donald Trump; o russo Vladimir Putin foram alvos de criticas. Viviany destacou também o nosso País, ao indagar preocupação com as eleições presidenciais que acontecem em 2018, ela destaca a importância de um candidato que represente as pautas LGBT.

Em reportagem do site GazetaOnline ela diz que: “A comunidade LGBT tem muitas nuances. Eu costumo falar que nós saímos do armário duas vezes: uma quando a gente se assume para a sociedade e família e outra quando a gente entende que somos iguais apesar de sermos diversos, independente se você é trans, bi ou homossexual”, explica a atriz.

“Tem pessoas que não se assumem, porque têm medo de perder o emprego, de não ser aceitos em suas famílias, porque têm vergonha. Parece que a gente tem que se esconder e se enquadrar dentro de um padrão. Quando você se assume sua beleza e seu talento parece que para de valer.”

Destaque_ParadaGay21-2.jpgViviany ressalta ainda a importância e a necessidade das demandas LGBT serem levantadas e debatidas o ano todo. “Eu quero despertar e debater justamente isso para que o Brasil não vire uma Rússia. A gente não tem que pensar só na semana LGBT, a gente precisa se politizar antes que isso se torne um país ainda mais conservador.”

Na coletiva de impressa a presidenta da Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, Cláudia Regina disse que: “A religião é uma questão de foro íntimo. Cada religião é um caminho e ele não pode ser imposto a toda uma sociedade. Cada caminho, cada religião, centro e templo têm suas pessoas com suas afinidades e não pode impor regras e comportamentos a todos. Tudo o que diz respeito ao público e a toda a sociedade deve ter uma postura de laicidade e não deve contemplar religiões”

Destaque_ParadaGay21-3.jpg

Cláudia ressalta ainda a importância do tema dizendo que: “Nossos principais inimigos hoje são os fundamentalistas religiosos, grupos de pessoas dentro de algumas religiões que insistem em nos condenar e retirar direitos já adquiridos. No Congresso Nacional, por exemplo, o debate sobre a criminalização da LGBTFobia é repleto de ataques de parlamentares da bancada religiosa e conservadora, muito dos quais utilizando-se de suas imunidades parlamentares para disseminar o ódio a uma parcela da população. Seus argumentos? Alguns citam suas visões de fé, como se estivessem em seus púlpitos e não em uma instituição que deveria garantir e se orientar pela laicidade, preconizada na Constituição Federal de 88.”


VISIBILIDADE

Sendo uma das paradas com maior cobertura da mídia, esse ano, além dos jornais e das emissoras de radio e tv’s, as redes sociais e marcas de consumo marcaram presença e reforçaram a visibilidade da comunidade LGBT. Um dos aliados foram o Facebook e Twitter, que em sua plataforma disponibilizou o botão especial ”Orgulho” entre as opções para reagir às publicações. O ícone foi uma bandeira LGBT (com as cores do arco-íris), e marcou presença todo o mês de junho, em comemoração ao mês do Orgulho LGBT, a plataforma trouxe também filtros especiais, e laços coloridos que podiam ser adicionados à foto de perfil comemorando a diversidade e o orgulho LGBT. Já o Twitter em sua plataforma lançou um emoji, também trazendo a bandeira do arco-íris LGBT.

Entre as marcas que marcaram presença na Parada, a Uber e Skol falaram sobre a importância da Parada para a sociedade.

“Apoiamos a Parada do Orgulho LGBT porque estamos ao lado da bandeira do respeito acima de tudo. Desde a última parada nos consolidamos neste caminho. Apoiar a Parada LGBT é fomentar a cultura colocando em foco a diversidade e promovendo antes de tudo o respeito pelo outro. Estamos muito orgulhosos em fazer parte mais uma vez”, disse Maria Fernanda Albuquerque, diretora de marketing da Skol.

“A Uber acredita que todo mundo deve ter o direito de ser autêntico em sua individualidade, orientação sexual e identidade de gênero, e mais que isso, se sentir seguro e respeitado. Buscamos ser aliados da comunidade LGBT, não só no dia da Parada do Orgulho, mas o ano todo.“, disse Ana Pellegrini, Diretora Jurídica e Líder de Diversidade da Uber no Brasil.


LEIA MAIS

Parada Gay de SP 2017 anuncia defesa do estado laico como tema

PARADA LGBT MARCHA CONTRA INTOLERÂNCIA RELIGIOSA EM SÃO PAULO

Transexual ‘crucificada’ promete novo protesto polêmico na Parada Gay

Muito além do ‘pink money’: o que a militância LGBT quer das empresas


Por Alex Faria

Anúncios

Uma resposta em “21ª Parada Gay da cidade de São Paulo

  1. Pingback: Dia Internacional do Orgulho LGBT | Ciências Sociais Uninove

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s